quinta-feira, agosto 04, 2011

...quebrava as suas próprias regras

(...)Estava a deixar a mente vaguear, quebrava as suas próprias regras. Adiantou-se ao grupo, fixando a mente no presente. Não se enganara, havia um leve toque de humidade no ar. Aproximava-se chuva, se não naquele dia, talvez no seguinte. Se não amanhã, um dia ou dois dias depois.(...)
in: A Espada de Fortriu da trilogia As crónicas de Bridei II de Juliet Marillier

Finalizei a ADD.
A aguardar por dias menos ventosos e com mais calor para rumar até à praia, enquanto isto, coloco a leitura em dia, preencho as preferências de mais um ano que se avizinha... e deixo a mente voar por todo o Universo!

Que o Universo o permita!!!
Que Eu o permita...
Sendo assim calma e serena prossigo... sem medos, porque o TODO conspira a meu favor, a favor de todos nós, basta acreditarmos :)

Sem comentários: